08/09/2016
menos mais
Linha Azul

Dicas para os cipeiros 1

Plano de Trabalho da CIPA


A CIPA deverá fazer um Plano de Trabalho simples, sem burocracia. O plano deve conter objetivos, metas, cronograma de execução e estratégia de ação.

É a ferramenta de trabalho de auxilio da CIPA, contribui na organização efetiva da Comissão, dentro de suas possibilidades.

Cabe ressaltar que o plano pode estar estruturado na própria ata, não necessitando que seja feito um documento em separado.

É importante que a empresa garanta aos cipeiros o tempo necessário para que este plano seja elaborado e monitorado.

Os procedimentos para o plano não estão em livro ou norma alguma. Vale ressaltar que para se estabelecer um plano com a visão do trabalhador, deve-se levar em conta algumas etapas importantes de trabalho:

- Conhecer os riscos existentes no ambiente (local de trabalho). Isto pode e deve ser feito por meio de um bom MAPA DE RISCOS, feito realmente pelos cipeiros e com a participação da maioria dos trabalhadores.

- Estudar e discutir propostas de melhorias ou soluções para eliminar os riscos.

- Definir com os colegs de trabalho as prioridades, sempre por consenso dos trabalhadores.


- Elaborar o PLANO DE TRABALHO, contendo as metas para o cumprimento dessas soluções, de forma simples, porém, feito para ser a base da gestão da CIPA organizada e eficiente.


- Deve conter metas de acompanhamento das mudanças no ambiente e negociação das melhorias

Sintonia com programas de prevenção

 A CIPA deverá estar sintonizada e com todos os programas de prevenção adotados pela empresa, como PCMSO, PPRA, PPRPS e outros.

Desta forma, é importante que os responsáveis pela elaboração destes programas, contem com a colaboração dos cipeiros por ocasião do desenvolvimento e implantação destes. 

Os cipeiros devem exigir esta participação.

 

 

Facebook Twitter Pinterest Google Plus Tumblr

Leia Também